sábado, 9 de agosto de 2014

Ácaros

No final da Primavera, início do Verão a minha Amendoeira sofreu um ataque de Ácaros. Penso que terá sido o Tetranychus urticae, mais conhecido por aranhiço vermelho. Pela sua reduzida dimensão, não foi possível identificar a espécie. Contudo, o que mais me chamou a atenção foi a coloração das folhas. Ao contrário de exibirem um verde escuro e brilhante, apresentam um picotado branco que lhe conferia um aspecto pálido. 

Folha saudável à esquerda e folha atacada pelo Tetranychus urticae à direita

Inicialmente tentei eliminar a a praga fisicamente, com uma mistura de água e sabão. Mas cometi um erro, não pulverizei planta e na continuação de um ambiente seco e quente os ácaros desenvolveram-se novamente. Tentei com calda de alho, mas não funcionou. Desta forma tive de recorrer a um químico acaricida. Neste caso foi o Apache. Cumprido as indicações, a praga foi eliminada rapidamente. Como a árvore estava bem adubada, respondeu rapidamente.

Uma outra medida química que pode ser utilizada, é a aplicação de óleo de verão.

Como prevenção podem plantar-se crisântemo e calêndulas que atraem predadores (Phytoseiulus persimilis; Neoseiulus californicus; Ambltseius andersoni) ou juntar alho, cebolinho e piretro que são plantas repelentes.
Ainda como prevenção poderá utilizar uma clada de absinto (3 kgs de plantas em flor por 100 litros de água) ou calda de alho (750g em 100l de água).