sábado, 12 de agosto de 2017

terça-feira, 8 de agosto de 2017

"O importante não é a casa onde moramos. Mas onde, em nós, a casa mora." Mia Couto

fogo

crescem verdes,
não adivinhando as chamas,
cresceriam se as soubessem?

 not working. Muito alta para a base, com um engrossamento no tronco irreparável. Resolvem-se os dois problemas com lâminas e fogo.


nova frente.

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

quem tudo quer

em primeiro lugar sou pai, em segundo sou marido, em terceiro lugar sou fisioterapeuta. Em quarto lugar não sei se há em mim um atleta ou um intelectual. Sao demasiados lugares para uma pessoa só. entre atleta e intelectual o que me é mais fácil é sem duvida ser atleta. Naturalmente quero mais, naturalmente gosto de ganhar, naturalmente me entrego ao sacrifício em busca de mais. De mais o quê? De mais e melhor de mim. Se houver jogo gosto de ganhar, gosto e ponto. Sempre foi assim. Não é a todo o custo, mas faço tudo no limite para ganhar. Racionalmente é estupido. Para quê? Porquê? "já tens idade para ter juízo". E vivi grande parte da vida a questionar o atleta, a reprimi-lo e a faze-lo parar. Afinal o importante são os estudos. Sabem o que me sobra ao final do mês com duas licenciaturas? ainda bem que estudei, mas em termos de gestão e de economia... A diferença é zero. Parei para ter mais tempo para estudar e ter mais conhecimentos... Mas o trilho não tem necessariamente de ser interrompido e transformar-se numa biblioteca. Vou continuar a tentar os dois... Mas há um espírito de atleta que me fará entregar a 100% em qualquer coisa que faça. Não há mais ou menos. Desculpem os que não compreendem, este é o meu trilho, esta é a minha natureza.

video

trilhos

num ano e meio acumulei 2000km a correr.
os caminhos não terminam, nós estabelecemos esse fim. Para uns terminará, para outros a aventura continua. Mas partilhamos sempre o mesmo caminho, o único em que todos nos encontraremos no mesmo fim. A diferença estará nos trilhos que pecorremos, com que pernas, com que olhos e com as mentes.

inicio de tarde

Os sons do início de tarde são lentos, moles, pardacentos.
aquecem e a brisa arrefece a nossa pele.
tornam-se longínquos e embalam-nos.


domingo, 25 de junho de 2017

entre sonhos

entre os seus sonhos
encontro a realidade
do baloiço no ramo forte da árvore

apresentação 1

frente 1

frente 2

apresentação 2

Ainda falta compor topos, ramificações e re-orientar num novo vaso. 2h a aramar, 30min.a podar.

terça-feira, 6 de junho de 2017

disciplina. Há quem conheça a palavra. Há quem conheça o seu significado. Há quem conheça o seu valor.